Bolsista da Funcap pesquisa proteínas que melhoram processos de fertilidade animal

7 de dezembro de 2015

O Nordeste contém o maior rebanho ovino/caprino do país, representando 68% do efetivo nacional e destacando a importância dos rebanhos nesta região. O bolsista Fágner Cavalcante, doutorando em Zootecnia pelo Programa de Doutorado Integrado em Zootecnia UFC/UFPB/UFRPE, está recebendo o apoio da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) para pesquisar sobre a influência que certas proteínas têm no processo de melhoramento da fertilidade animal.

“Esse estudo é muito importante na investigação de proteínas que melhoram os processos ligados à fertilidade, pois uma vez que separadas por cromatografia, as moléculas benéficas a tais processos podem ser adicionadas ao sêmen fresco e congelado para inseminação artificial (IA) ou em meios de fertilização in vitro (FIV). Para melhoria do desempenho
reprodutivo em nossos rebanhos, um entrave nos sistemas de produção do semiárido brasileiro” diz Fágner.

O bolsista também afirma que outra vantagem do estudo é compreender a fisiologia dos espécimes machos, já que as proteínas seminais têm diferentes funções, e quando agregadas às outras substâncias, pode haver alterações na célula espermática que influem no sucesso ou insucesso da fertilização.

O estudo está sendo feito com a espécie de ovino Morada Nova, e a pesquisa tem como objetivo separar a proteína do sêmen desses carneiros, a RSVP22, e investigar a sua função nos processos de reação acrossômica, capacitação espermática, interação entre gametas e aumento dos parâmetros espermáticos do sêmen congelado.

“A correlação entre a adição da RSVP22 ao sêmen e o aumento desses parâmetros irá gerar um produto que pode elevar os índices de fertilidade tanto dos rebanhos de agricultura familiar, por meios de consultorias e assessorias técnicas abertas a utilizar tal tecnologia, como o incremento em empresas de agronegócio que querem ainda mais os melhores sêmens para comercialização”, declara o bolsista.

Sobre o bolsista

Fágner Cavalcante ingressou na Universidade do Vale do Acaraú (UVA) em 2007, onde cursou Zootecnia. Foi na universidade onde começou a se interessar pelas disciplinas Fisiologia da Reprodução Animal, Caprinocultura, Melhoramento Genético, entre outras. Para o futuro, o bolsista de doutorado pretende prestar concursos públicos para professor e pesquisador na área de Zootecnia.

07.12.2015

Assessoria de Comunicação da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento
Científico e Tecnológico (Funcap)
Telefone: (85) 3275-9629
www.funcap.ce.gov.br
Twitter: @FuncapCE

Ana Martins
Gestora/Célula de Monitoramento

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará
Casa Civil / (85) 3466.4898