Cid Gomes e Ministro da Educação inauguram 86ª Escola de Educação Profissional

22 de maio de 2012

A educação é resultado de disciplina, empenho e oportunidade. Com essa tríade em mente, o governador Cid Gomes, acompanhado do ministro da Educação Aloízio  e da secretária da Educação, Izolda Cela, inaugurou na noite desta segunda-feira (21) mais uma Escola Estadual de Educação Profissional no Estado. A Escola Lysia Pimentel Gomes foi a 86ª EEEP inaugurada, dessa vez no município de Sobral, na Zona Norte do Estado. “Fiz questão de vir inaugurar a escola de Sobral, que é o único município do Nordeste a estar entre os 100 primeiros em desempenho escolar, medido através do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Sobral é um exemplo para o Ceará e para o Brasil”, afirmou o Ministro.

Construída no padrão de qualidade MEC, a unidade tem capacidade para atender 540 alunos, em tempo integral. O investimento foi de cerca de R$ 10 milhões, oriundos dos Governos Estadual e Federal para construção e aquisição de equipamentos. Segundo Cid, “nenhuma escola particular no município tem a qualidade de equipamentos que essa escola tem. Quando damos oportunidade ao fotoint2estudante de baixa renda, o desempenho é muitas vezes ainda melhor que o de um estudante com mais condições”.

Para a estudante Camila Cristina, ex- aluna da EEEP de Sobral Dom Walfrido, a oportunidade de concluir o curso de Informática na Escola foi o primeiro passo para que a jovem já estivesse empregada hoje e ainda ser acadêmica de administração na Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). “Sei que nessa escola muitos jovens como eu poderão dar um importante passo para mudar seu futuro”, comemorou. No novo espaço, os alunos terão acesso aos cursos técnicos de Paisagismo, Manutenção Automotiva, Fabricação Mecânica e Logística.

A unidade é composta de 12 salas de aula, auditório para 201 lugares e biblioteca. Possui também laboratórios tecnológicos, de Línguas, Informática, Química, Física, Biologia e Matemática, quadra poliesportiva e um teatro de arena. “Quando investimos em educação no Ceará, sabemos que esse dinheiro será aplicado e visto na sala de aula. O Ceará já teve um dos piores índices de educação do Brasil, e hoje se aproxima dos melhores índices em alfabetização do País”, disse Mercadante.

fotoint3O chefe do Gabinete do Governador, Ivo Gomes, ressaltou o empenho do Estado em investir na estrutura e na qualidade do ensino para a formação da mão-de-obra e para ser uma ferramenta na transformação. Ivo enfatizou ainda que até o fim de 2014, serão 140 escolas profissionais de sistema integral no Estado, o que faz o Ceará ter a maior rede de ensino profissional no Brasil. O prefeito de Sobral, Veveu Arruda, agradeceu o apoio do Governo do Estado e destacou a importância da educação na melhoria da qualidade de vida da população.

A Escola está sob a abrangência da 6ª Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede), sediada em Sobral, que já conta com cinco unidades com esse nível de ensino nos municípios de Hidrolândia, Massapê, Reriutaba e Sobral. Atualmente, já são cerca de 30 mil alunos matriculados nas 86 escolas já inauguradas no Estado. Até 2014, com 140 escolas no total, o número de matrículas irá dobrar. O objetivo das EEEPs é a formação profissional técnica integrada à educação básica, tendo em vista a inserção qualificada dos jovens no mundo do trabalho. Durante o terceiro ano, o Governo do Estado propicia o acesso ao estágio curricular obrigatório e remunerado. É nesse período que o estudante vai aprimorar suas habilidades, atitudes e competências individuais, desenvolvidas durante a sua formação.

Estiveram na solenidade de inauguração o ex-ministro Ciro Gomes; o ministro-chefe da Secretaria Nacional de Portos, Leônidas Cristino; o superintendente do DAE, Quintino Vieira; o deputado federal Padre José Linhares; os deputados estaduais Rogério Aguiar e Ferreira Aragão, e demais prefeitos e autoridades da região.

 

UVA

fotoint4Antes da inauguração da Escola, o governador Cid Gomes recebeu  um grupo de estudantes da Universidade Vale do Acaraú (UVA) e definiu uma série de benefícios para a Universidade. Durante o encontro, o Governador autorizou a Reitoria a abrir concurso público para contratação de 13 profissionais para o curso de Engenharia Civil. Outras sete vagas de professores foram autorizadas para o curso de Letras com habilitação em Inglês. A contratação de mais 75 técnicos também foi autorizada, bem como a construção de um novo prédio do CCH e construção de laboratórios dos cursos de Exatas e Tecnologia.

Na reunião, o Governador também liberou R$ 4 milhões para construção de um restaurante universitário, outros R$ 400 mil para a compra de livros e equipamentos para laboratório e mais R$ 11milhões para infraestrutura.

22.05.2012

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Casa Civil

comunicacao@casacivil.ce.gov.br

85 3101.4898