III Seminário de Produção Cultural começa quinta-feira, 18/6, no Dragão do Mar

15 de junho de 2015

O III Seminário de Produção Cultural: Panorama e Perspectivas da Produção Cultural no Ceará acontece quinta e sexta-feira, 18 e 19/6, no Centro Dragão do Mar, marcando a conclusão das atividades da primeira turma formada pelo Laboratório de Produção – Curso Técnico em Produção de Eventos Culturais, iniciativa pioneira de contribuição à formação profissional para este setor no Ceará. Reunindo grandes nomes locais e nacionais, o seminário debaterá a qualificação, a regulamentação e a organização da profissão de produtor cultural em nosso Estado. As inscrições são gratuitas e já estão abertas.

Ao longo de 18 meses de atividades do Laboratório de Produção – Curso Técnico em Produção de Eventos Culturais, primeiro curso no Ceará de formação técnica em produção de eventos culturais,  40 produtores tiveram a oportunidade de se qualificar com a íntegra das disciplinas do curso, com uma carga de 1.050 horas-aula, enquanto cursos livres, debates, oficinas e acesso aos módulos individuais garantiram que mais de 1.700 pessoas fossem beneficiadas pelas diversas atividades formativas.

Apresentado pela Secretaria de Cultura do Estado do Ceará (Secult), em parceria com o Instituto Centro de Ensino Tecnológico (Centec), com o apoio cultural da Companhia energética do Ceará (Coelce), realização da Quitanda das Artes e da Associação dos Produtores de Arte do Ceará (Proarte), incluiu disciplinas de formação geral e específicas em diversas áreas da produção cultural, como teatro, artes plásticas, música e literatura, e contou com oficinas, seminários e cursos livres realizados em horários diversos e destinados ao público em geral, com acesso gratuito.

Como mais um diferencial, a qualidade dos professores, com um corpo docente formado por doutores, mestres e especialistas do Ceará e de outros estados do Brasil. Os alunos tiveram a oportunidade de ter aulas com diversos pesquisadores e profissionais da cultura, como Lia Calabre, Marta Porto, Maria Helena Cunha, Cláudia Leitão, Sérgio Sobreira, Alexandre Barbalho, Humberto Cunha, Dilmar Miranda, Roberto Galvão, entre outros.

Agora, para marcar a conclusão das atividades da primeira turma, o Laboratório de Produção promove, nos dias 18 e 19/6, sempre a partir das 18h, no Auditório do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, o III Seminário de Produção Cultural: Panorama e Perspectivas da Produção Cultural no Ceará. O seminário apresentará um panorama sobre o campo da produção cultural local e nacional, debatendo questões centrais da atividade do produtor cultural, como regulamentação e organização da profissão no Estado do Ceará. Produtores e gestores culturais, além de outros profissionais e interessados na área, podem participar do evento, que tem entre seus objetivos o de contribuir para maior profissionalização do produtor e da produção cultural em nosso Estado.

As inscrições para o seminário são gratuitas e já estão abertas. Basta enviar um e-mail para seminarioproducaocultural@gmail.com ou acessar o link disponível no Facebook e no site do evento e do Laboratório de Produção, informando nome, profissão, telefone, e-mail e motivo do interesse em participar do evento. A organização do seminário recomenda que todos os interessados façam sua inscrição, aguardando confirmação via e-mail. Caso a demanda seja muito superior à capacidade do espaço, um telão será montado ao lado do auditório, para possibilitar a participação de todos.

Grandes nomes reunidos em Fortaeza

A programação do III Seminário de Produção Cultural: Panorama e Perspectivas da Produção Cultural no Ceará tem início na quinta-feira, 18/6, às 18h, no Auditório do Centro Dragão do Mar, com o credenciamento dos participantes. Das 19h às 21h30 acontece o debate “Panorama da Produção Cultural no Brasil”, com Renata Allucci (SP, apresentando a pesquisa “Panorama Setorial da Cultura Brasileira”, realização do Ministério da Cultura e da Vale, por meio da Lei Rouanet), Rachel Gadelha (CE, apresentando a pesquisa “O campo da produção cultural no Ceará: Conformações, configurações e paradoxos”) e o pesquisador e gestor cultural Alexandre Barbalho (CE) como mediador.

Na sexta-feira, 19/6, também com credenciamento iniciado às 18h, acontece das 19h às 20h a mesa de debate sobre o tema “A profissionalização do Produtor Cultural”, com Kátia de Marco (RJ, presidente da Associação Brasileira de Gestão Cultural – ABGC) e Mário Pragmácio (RJ, advogado e doutorando em Teoria do Estado e Direito Constitucional pela PUC-RJ). Na mediação, Paulo Victor Feitosa (CE), produtor cultural, ex-secretário adjunto da Cultura do Estado do Ceará e idealizador do Laboratório de Produção – Curso Técnico em Produção de Eventos Culturais.

Às 20h acontece a solenidade de conclusão da primeira turma do Laboratório de Produção – Curso Técnico em Produção de Eventos Culturais.

Novo patamar para a produção cultural

Além de garantir profissionais para esse setor, elevar a produção cultural no Ceará a um novo patamar e qualificar produtores culturais conscientes quanto à nova realidade de práticas cidadãs e sustentáveis estão entre os objetivos do curso realizado ao longo dos últimos 18 meses e do seminário que acontece nesta semana. É o que destaca Rachel Gadelha, produtora cultural e coordenadora do Laboratório de Produção.

“O Laboratório visa contribuir com a criação e o fortalecimento de redes colaborativas de produtores, artistas e gestores que possam atuar no desenvolvimento de iniciativas culturais de formação, reflexão e produção cultural, com base em princípios socializantes e democráticos que promovam a cooperação e a solidariedade”, aponta Rachel Gadelha, citando a necessidade de minimizar o impacto da exclusão social e cultural.

“Formando novos profissionais e contribuindo para maior profissionalização desse setor, em curto e médio prazos, o Laboratório buscou criar espaços para fortalecer a economia cultural a partir do entendimento da complexidade que envolve o atual estágio de desenvolvimento da cultura, tendo como horizonte a sustentabilidade econômica, social e ambiental”, complementa Rachel Gadelha, frisando que a cultura, mais do que um setor onde se produzem bens, é o horizonte das relações simbólicas que se exercem pelos diversos indivíduos e grupos sociais em constante relação.

Áreas de atuação dos profissionais

Os profissionais formados poderão colaborar com centros culturais, fundações, institutos, escolas e universidades, empresas, organizações não governamentais, prefeituras, secretarias de cultura, indústria audiovisual, marcado editorial, televisão, rádio, em departamentos de marketing de empresas, setores do patrimônio histórico, entre outros ramos e setores do mercado. O projeto deverá, ainda, consolidar a capacidade de compreensão e interpretação das dimensões culturais, sociais, econômicas e políticas envolvidas nas etapas de concepção, desenvolvimento e aplicação de conceitos, na realização de projetos culturais.

Com essa formação específica e aprofundada, o projeto vem contribuir significativamente para o desenvolvimento da produção cultural no Ceará e colaborar para a democratização do acesso à Cultura na região, uma vez que se ampliam a quantidade e a qualificação de profissionais atuantes na área.

Produção cultural: mercado em expansão

A arte e a cultura como produção de conhecimento e principalmente como entretenimento têm acompanhado, de maneira crescente, nos últimos 20 anos, a expansão da indústria cultural nacional e internacional, incluindo mudanças nos padrões de consumo e de lazer da sociedade. Esse movimento gera uma grande dinâmica para vários setores do mercado, ligados à produção cultural.

Pesquisas revelam uma crescente participação das esferas culturais no PIB nacional, quadro que reflete a expansão atual e o potencial de geração de emprego e renda do setor, que tem superado segmentos tradicionais da economia brasileira. Apesar da dificuldade de mensuração, diante da amplitude e da diversidade do campo cultural, de acordo com o Ministério da Cultura estima-se que as atividades culturais, em 2020, representarão 4,5% do PIB brasileiro, gerando riquezas estimadas em R$ 164 bilhões.

Ações e seminários anteriores

O Laboratório de Produção – Curso Técnico em Produção de Eventos Culturais promoveu, ao longo de 18 meses, espaços de pesquisa e sistematização de conhecimentos, além de interação de profissionais, favorecendo ações compartilhadas e fortalecimento de redes.

Em 2014, o Curso Laboratório de Produção promoveu dois seminários: o primeiro com o tema “Pesquisas em Cultura” (apresentando o resultado de pesquisas acadêmicas voltadas para gestão cultural, debatendo e avaliando algumas dessas ações) e o segundo com o tema “Desafios da Formação” (em que foi apresentado um panorama sobre a formação em produção cultural local e nacional). O projeto terá continuidade em breve, com uma nova turma e novas ações.

SERVIÇO:

III Seminário de Produção Cultural: Panorama e perspectivas da produção cultural no Ceará

18 e 19 de junho de 2015, sempre das 18h às 21h30, no Auditório do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

Inscrições gratuitas, abertas pelo e-mail %20var%20addy54370%20=%20%27seminarioproducaocultural%27%20+%20%27@%27;%20addy54370%20=%20addy54370%20+%20%27gmail%27%20+%20%27.%27%20+%20%27com%27;%20document.write%28%20%27%3Ca%20%27%20+%20path%20+%20%27%5C%27%27%20+%20prefix%20+%20addy54370%20+%20suffix%20+%20%27%5C%27%27%20+%20attribs%20+%20%27%3E%27%20%29;%20document.write%28%20addy54370%20%29;%20document.write%28%20%27%3C%5C/a%3E%27%20%29;%20//–%3E%20%3C/script%3E%20%3Cscript%20language=%27JavaScript%27%20type=%27text/javascript%27%3E%20%3C%21–%20document.write%28%20%27%3Cspan%20style=%5C%27display:%20none;%5C%27%3E%27%20%29;%20//–%3E%20%3C/script%3EEste%20endere%C3%A7o%20de%20e-mail%20est%C3%A1%20protegido%20contra%20spambots.%20Voc%C3%AA%20deve%20habilitar%20o%20JavaScript%20para%20visualiz%C3%A1-lo.%20%3Cscript%20language=%27JavaScript%27%20type=%27text/javascript%27%3E%20%3C%21–%20document.write%28%20%27%3C/%27%20%29;%20document.write%28%20%27span%3E%27%20%29;%20//–%3E%20%3C/script%3E.”> seminarioproducaocultural@gmail.com .

Mais informações: www.facebook.com/laboratoriodeproducao / seminarioproducaocultural@gmail.com

programacao secult2

O Laboratório de Produção – Curso Técnico em Produção de Eventos Culturais é uma realização da Associação dos Produtores de Arte do Ceará – Proarte e da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, em parceria com o Instituto Centro de Ensino Tecnológico – Centec e com o apoio cultural da Companhia Energética do Ceará – Coelce.

15.06.2015

Assessoria de Comunicação da Secult
Dalwton Moura / Clovis Holanda ( secultmkt@gmail.com )
85 3101.6761 / 8699.6524 / 8829.8222

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado – Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br
(85) 3466.4898