CEO em Iguatu passa a atender população de nove municípios

3 de junho de 2014

O Centro de Especialidades Odontológicas Oduvaldo Ferreira Lessa, em Iguatu, no Centro-Sul, que atendia somente a população do município desde 2006, foi reformado e passou a ter abrangência regional. Com a regionalização, agora a população de nove municípios, no total de 295.783 moradores, passaram a ter acesso aos serviços especializados em saúde bucal. São eles: Iguatu, Acopiara, Cariús, Irapuan Pinheiro, Jucás, Mombaça, Piquet Carneiro, Quixelô e Saboeiro.

Para se tornar regional, o CEO teve a capacidade de atendimento ampliada. Novos serviços foram acrescidos. Antes não havia periodontia nem endodontia. As pessoas com deficiências não eram atendidos porque não existia estrutura adequada e profissionais especializados. Com todos os serviços implantados, inclusive cirurgias a partir de julho, o número de cirurgiões dentistas aumenta para 14, aprovados em seleção pública. Antes da regionalização, eram três cirurgiões dentistas.

Outros dois CEOs, que também eram municipais e construídos antes de 2006, passaram a ser regionais. Ficam em Tauá e São Gonçalo do Amarante. Reformados, agregaram novos serviços e tiveram o quadro de profissionais reforçado. Outro CEO que em breve deixará de ser municipal é o que fica em Aracati. A regionalização está em andamento.

Os CEOs que antes eram municipais e agora realizam atendimento para toda a população das regiões de saúde, são gerenciados por consórcios públicos de saúde. Os consórcios são uma estratégia de gestão adotada a partir do governo Cid Gomes em que os recursos para manutenção das unidades são compartilhados entre os três níveis de governo. O governo do Estado participa com a maior parcela dos recursos. No caso do CEO regional em Iguatu, por ano, o custeio está avaliado em R$2.724.767,64. O governo do Estado participa com 40% desse total. Ou seja, R$1.089.907,06. Os nove municípios entram com R$915.460,58, que representam 33,60% do custeio anual. O governo federal colabora com 26,40%, o que significa R$719.400,00.

Nova rede

Com a transformação dos quatro CEOs municipais em regionais, no interior, o número de Centros de Especialidades Odontológicas regionais aumenta para 22. Isso porque o governador Cid Gomes construiu uma rede de 18 novos CEOs regionais. Todos já em funcionamento em Ubajara, Baturité, Tauá, Cascavel, Crateús, Camocim, Acaraú, Itapipoca, Icó, Juazeiro do Norte, Brejo Santo, Crato, Quixeramobim, Limoeiro do Norte, Russas, Sobral, Maracanaú, Caucaia. Todos sob gestão dos consórcios públicos de saúde.

03.06.2014

Assessoria de Comunicação da Sesa

Selma Oliveira / Marcus Sá (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 – 3101.5221)

Twitter: @SaudeCeara

www.facebook.com/SaudeCeara