Cid Gomes e secretariado concluem primeira reunião do MAPP de 2012

4 de Maio de 2012

O governador Cid Gomes concluiu nesta sexta-feira (4) a primeira reunião do ano de avaliação do programa de Monitoramento de Ações e Programas Prioritários (MAPP). Na ocasião, ele confirmou a data de início da operação assistida da Linha Sul do Metrô de Fortaleza. No dia 15 de junho o Metrô funcionará com a participação de passageiros, fazendo o trajeto Maracanaú-Parangaba. A Operação Assistida serve para testar o Metrô e sincronizar todos os equipamentos. A reunião do MAPP aconteceu na Residência Oficial. Ela contou com a presença de secretários e diretores de órgãos e vinculadas e foi iniciada na quinta-feira (3).

“A gente previa investimentos na área de engenharia até o mês de junho, quando começa efetivamente a rodar, e nós conseguimos antecipar toda a parte de engenharia do Metrô, não só do trecho Pacatuba-Parangaba, mas da Parangaba até a Estação José de Alencar, todo ele já está concluído a parte de engenharia, e estamos avançando na área de eletrificação”, explicou. Segundo o Governador, já existe um outro contrato para as duas últimas estações, no trecho entre a praça José de Alencar e a estação Chico da Silva, licitadas durante sua gestão.

O Ramal Parangaba- Mucuripe, que também compõe o Metrô de Fortaleza e será operado com Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), já teve suas obras iniciadas em abril deste ano. “Durante a avaliação do MAPP 2012 constatamos que estava previsto para este ano investimentos da ordem de R$120 milhões, e isso foi reduzido para R$ 90 milhões”, destacou Cid.

Na reunião do MAPP, Cid Gomes anunciou ainda para o próximo dia 8 a assinatura da ordem de serviço para início das obras do Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), em Quixeramobim, e Inauguração da estrada que liga os municípios Quixeramobim (CE-166) e Madalena (CE-265). A inauguração do Residencial Raquel de Queiroz foi definida para o próximo dia 14. A previsão  para investimentos em projetos e ações do MAPP chega a R$ 5 bilhões para este ano.

 

Linha Sul do Metrô de Fortaleza

A Linha Sul, que está sendo concluída pelo Metrofor, irá ligar Fortaleza a Pacatuba. São 24,1 km de extensão em via dupla, sendo 18 km de superfície, 3,9 km subterrâneo e 2,2 km em elevado. A partir de 15 de outubro deste ano, será iniciada a segunda fase de testes com passageiros. Nesta fase, as composições passarão por todas as 18 estações da linha Sul do metrô.

Esta linha irá receber um total de 20 trens que formarão dez composições de 80 metros, cada. Estão sendo finalizadas 18 novas estações: Carlito Benevides (antiga Vila das Flores); Jereissati; Maracanaú; Virgílio Távora (antiga Novo Maracanaú); Rachel de Queiroz (antiga Pajuçara); Alto Alegre; Aracapé; Esperança (antiga Conjunto Esperança); Mondubim; Manoel Sátiro; Vila Pery; Parangaba; Couto Fernandes, Porangabussu; Benfica; São Benedito; José de Alencar (antiga Lagoinha); Central – Chico da Silva (antiga João Felipe). Além dessas 18 estações, o Governo do Estado conseguiu a inclusão de mais duas estações no cronograma de obras: Juscelino Kubitschek e Padre Cícero.

A obra está recebendo um investimento total de R$ 1,705 bilhão. Em 2013, serão feitos os ajustes finais para início da operação comercial. A expectativa é transportar 350 mil passageiros por dia, com a integração plena com os terminais de ônibus.

 

Ramal Parangaba-Mucuripe

O Ramal Parangaba Mucuripe será uma das grandes obras estruturantes no conceito de mobilidade urbana em Fortaleza para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014™. O Ramal vai ser operado com VLTs (Veículos Leves Sobre Trilhos) e fará a conexão ferroviária de 12,7 quilômetros entre a Estação Parangaba e o Porto do Mucuripe. Serão 11,3 km em superfície e 1,4 km em elevado.

A obra visa a remodelação do ramal ferroviário Parangaba Mucuripe para utilização do espaço pelos dois modais de uso (passageiro e carga) de forma segregada. O Ramal passará por 22 bairros da Capital. A previsão é que as obras sejam concluídas até o início do segundo semestre de 2013 (inclusive final dos testes) e, uma vez concluído, deverá ser utilizado por mais de 100 mil passageiros por dia.

Seis Veículos Leves sobre Trilhos (VLTs) fabricados pela Bom Sinal no Cariri conduzirão os passageiros. Movidos a diesel, os VLTs possuem ar-condicionado, sendo mais confortáveis que os antigos trens. Serão oito estações, sendo que as da Parangaba e do Papicu possuem projeto diferenciado, devido à integração com os terminais de ônibus e às estações das linhas Sul e Leste, do metrô. As demais estações serão localizadas no Montese, Vila União, Rodoviária, São João do Tauape, Pontes Vieira e Mucuripe.

 

MAPP 2012

A exemplo das duas obras, que tiveram seus cronogramas alterados durante a reunião do MAPP, outras ações passaram por um remanejamento. “O MAPP é um sistema que sintetiza, consolida todas as ações que não são do cotidiano do Estado, como investimentos e programas prioritários. A gente faz essa programação desde o ano anterior, e essa programação tem que ser permanentemente revisada para que a gente tenha um planejamento em tempo real. Alguns foram antecipados e outros retardados, por uma série de fatores que faz parte do cotidiano do planejamento do Estado”, concluiu Cid Gomes.

 

04.05.2012

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Casa Civil ( comunicaao@casacivil.ce.gov.br / 85 3266.4898)