Educadores e médicos participam do plano para controle do tabagismo

30 de junho de 2010

A Secretaria da Saúde do Estado realiza nesta quinta (1) e sexta-feira (2) a “Oficina para elaboração e discussão do plano o para o controle do tabaco em 2011”. O evento acontecerá no Mareiro hotel (Av. Beira Mar, 2380), a partir das 8h30min, e contará também com a participação de profissionais da Secretaria da Educação do Estado e do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

O tabagismo, doença provocada pela dependência da nicotina, é considerado também epidêmico por acometer, ao mesmo tempo, um grande número de pessoas. A doença causa também 50 diferentes problemas à saúde, entre elas as cardiovasculares, respiratórias e o câncer. O tabaco, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) é causa de morte de 5 milhões de pessoas em todo o mundo. De acordo com levantamento do Instituto do Câncer (Inca), divulgado este ano, o câncer de pulmão está em terceiro lugar no ranking de incidência em mulheres, ficando atrás apenas do câncer de mama e do colo de útero. Estudos mostram que 95% dos cânceres de pulmão são desenvolvidos em pacientes com histórico de fumo.

 

Segundo o Ministério da Saúde, que alerta para os perigos do tabagismo na redução da qualidade de vida e comprometimento da saúde, o cigarro contém substâncias não indicadas para seres humanos. Além de amônia, utilizada em desinfetante para pisos, azulejos e privadas, o cigarro contém formol, que é um conservante de cadáver, e ainda cetona, removedor de esmalte.

 

30.06.2010

Assessoria de Imprensa da Secretaria da Saúde

Selma Oliveira (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 3101.5220)