12 órgãos e tecidos são doados em apenas um dia

11 de março de 2010

O dia 10 de março de 2010 foi um dia para ficar na história da Central de Transplantes do Estado. Data de duas grandes doações. Duas famílias decidiram pela doação. Uma foi a da empresária Marcela Montenegro, vítima de violência na noite da última terça-feira (08). A outra família é de uma jovem de 24 anos, de Sobral, vítima de intoxicação. No total, 12 doações de órgãos e tecidos. Com isso, aumenta para 146 o número de transplantes este ano no Ceará.

 

Ano a ano o Estado vem registrando recordes. Primeiro foi em 2007, com 618 transplantes realizados, superando os 446 feitos em 2006. Em 2008 novo recorde, com a marca de 739 transplantes. No ano passado esse número foi vencido. O Ceará fechou 2009 com 767 transplantes.  A meta de Secretaria da Saúde do Estado é chegar aos 1000 transplantes por ano.

 

Para obter esse resultado, ajudando a salvar mais vidas, vem investindo em capacitações e equipamentos. Na aquisição de quatro eletroencefalogramas digitais, a Sesa está investindo R$ 223 mil, recursos do Tesouro do Estado. Os novos aparelhos vão ajudar no diagnóstico da morte encefálica. Só depois da morte encefálica, os órgãos e tecidos são retirados para transplante.

 

 

Assessoria de Imprensa da Sesa:

Selma Oliveira – 85 3101.5220